segunda-feira, 30 de julho de 2012

MS realiza Fórum de Educação Ambiental em agosto



O Governo do Estado de Mato Grosso do Sul, por intermédio do Instituto de Meio Ambiente de Mato Grosso do Sul (Imasul), Secretaria de Estado de Educação (SED), a Universidade Católica Dom Bosco (UCDB) e a Comissão Interinstitucional de Educação Ambiental (CIEA-MS) realizarão, nos dias 7, 8 e 9 de agosto, o Fórum de Educação Ambiental de Mato Grosso do Sul e a Oficina Estadual para a Construção da Política de Educação Ambiental.

O Fórum tem como objetivo promover a interlocução de agentes para a consolidação de instrumentos e políticas voltadas para a educação ambiental no estado.

Um evento inédito no Estado, o Fórum será um espaço para a realização de conferências, mesas-redondas, minicursos e oficinas, bem como divulgação de livros e publicações, visando fortalecer as políticas públicas de educação ambiental no Mato Grosso do Sul e a troca de experiências entre os participantes.

Os temas abordados serão: educação ambiental e práticas sustentáveis, educação ambiental formal e não formal e gestão ambiental e políticas públicas. Será feita a divulgação de trabalhos por meio de apresentações orais, painéis e relatos de experiência, além de proporcionar um espaço para exposição de ações e produtos sócio-ambientais e a publicação de anais do evento em formato digital para distribuir aos participantes do evento.

O evento será encerrado com a realização da Oficina Estadual para a Construção da Política de Educação Ambiental, espaço único de debate a nível estadual. A política consiste em um projeto de lei que norteará todas as ações de educação ambiental no estado, tanto em espaços escolarizados como espaços não escolarizados. Esse texto está sendo construído de forma participativa desde 2009 e a sua participação garantirá que a lei reflita as reais necessidades de Mato Grosso do Sul. A oficina será gratuita e aberta a todos os interessados e a inscrição será por meio do site do evento.

De relevância nacional e internacional, a educação ambiental tem norteado diversas ações de governo, buscando minimizar os impactos ambientais através da sensibilização e da educação. Em ambiente escolar, temas envolvendo a preservação, sustentabilidade e a destinação correta de resíduos sólidos vêm alcançando destaque entre crianças e adolescentes.

O fórum reproduz todas as ações e programas desenvolvidos no Estado, abrangendo entidades, instituições, universidades, governo e população. Diante da importância do tema, desafios e preocupações ambientais serão contemplados no evento, tendo como base os fundamentos, os objetivos e as diretrizes gerais da Política Nacional de Educação Ambiental.

A organização do evento conta com comissões técnicas que estão distribuídas em Comissão de Organização e Articulação; de Programação Técnica e Cultura; de Captação e Gerenciamento de Recursos; Científica; e a de Mobilização e Divulgação.

Os interessados em ministrar oficinas e minicursos referentes ao tema, devem se inscrever por meio do endereço eletrônico https://sites.google.com/site/forumeams/ através do campo “Oficinas e Minicursos”. As propostas serão selecionadas pela comissão de programação do evento. No endereço também estão disponíveis a programação do Fórum e um espaço para divulgação de obras literárias.

Colaboram com o evento as empresas Empresa de Saneamento de Mato Grosso do Sul (Sanesul), Ônix Geração de Energia S/A, Central Mídia Comunicação Estratégia e Editora Alvorada.

Contatos: Eliane ou Auristela - Unidade de Educação Ambiental (Imasul): 3318-6076 ou 3318-6077; Major Queiroz – Polícia Militar Ambiental (PMA) - 3314-4920 e 99057763; Flavio (SED) 3318 2332 – Shirley (SED) 3318 2372.

quarta-feira, 18 de julho de 2012

Casa Sustentável é destaque em série de reportagens

Morar bem em harmonia com a natureza. O lema da Casa Sustentável do Centro de Educação Ambiental Polonês foi destaque em uma série de reportagens dedicadas a conscientização ambiental veiculada pela TV Morena.

A matéria promoveu a importância de tornar o dia-a-dia eficaz e com menos impacto ao meio ambiente.

Acesse o vídeo em:  http://globotv.globo.com/tv-morena/bom-dia-ms/v/universidades-em-ms-desenvolvem-projetos-sobre-como-evitar-desperdicio-de-energia/1983372/

segunda-feira, 2 de julho de 2012

Prefeito aprova implantação de lixeiras ecológicas na Orla Morena

video
Na noite do dia 28 de junho, o prefeito Nelson Trad Filho e o titular da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano (Semadur) Marcos Cristaldo acompanharam a implantação das 15 novas lixeiras ecológicas instaladas ao longo da Orla Morena. As lixeiras fazem parte da continuidade da política de resíduos sólidos em Campo Grande, no bojo da qual estão a coleta seletiva e educação ambiental.

AVIÃO QUE DARÁ VOLTA AO MUNDO DIVULGA PROGRAMA ESGOTO 100%


“Brasil Voando Alto”. Este é o nome da expedição de 360º ao redor do planeta que levará a logomarca “Saneamento 100%” do programa “Esgoto 100%”, lançado pela Águas Guariroba e pela prefeitura de Campo Grande para levar esgoto tratado para toda a população campo-grandense até 2025.

A universalização do saneamento na Capital será garantida por meio da terceira etapa do Programa Sanear Morena, que prevê um investimento de R$ 636 milhões.

O avião será comandado por Walter Toledo, de apenas 20 anos, que deverá tornar-se o piloto mais jovem a dar a volta ao mundo a bordo de um monomotor. Ele pretende realizar a viagem no prazo de 30 dias, percorrendo 11 países.

O brasileiro poderá entrar para o GuinessBook como o comandante mais jovem a fazer o 360º ao redor do planeta. Com saída prevista para julho de 2012, o brasileiro tocará o solo dos EUA, Canadá, Dinamarca, Islândia, Inglaterra, França, Alemanha e Rússia. Com essa viagem Walter Toledo pretende motivar os jovens a superarem seus próprios limites e também mostrar ao mundo o potencial do Brasil e do povo brasileiro. “Quero mudar esse pensamento que reina secularmente na cabeça dos brasileiros de que tudo que vem de fora é melhor que o nosso. Tenho orgulho de ser brasileiro, pois meu país é uma potência mundial, e quero que todos também tenham esse sentimento”, enfatiza Toledo.

A Gema Brasil será a responsável por dar ao projeto “Brasil Voando Alto” todo o apoio “em terra” – o que envolve desde a captação de patrocínios e gestão dos conteúdos, até questões de logística e de tramites nos países.

Viagem experimental
Como parte dos preparativos do projeto foi realizada em maio uma viagem experimental para as Ilhas Falklands, na qual foi possível checar todos os componentes técnicos e de aferição de autonomia da aeronave, além de identificar possíveis dificuldades burocráticas na permissão de voo que poderão ocorrer durante o projeto.

O avião
A aeronave utilizada na expedição é um monomotor fabricado pela PIPER, com motor de 350hp bi turbo, não pressurizado, com alcance de 1300 milhas náuticas (2.400km), altitude máxima de voo de 25 mil pés e capacidade para 6 pessoa. Com consumo horário de 72 litros por hora em voo de cruzeiro, o avião foi batizado com o nome de PIPER MALIBU MATRIX.

Katia Tavares
Com informações Assessoria Águas Guariroba